terça-feira, 25 de julho de 2017

Agenda - desconectar!

Bem, estamos a chegar a agosto. Tem sido um ano muito preenchido e temos reflectido bastante sobre a gestão pessoal e temo-lo feito com bastante mais foco do que era costume. 
Imagem

Em março, quando decidi mudar um pouco o blogue, sentia que precisava dar maior coerência ao Suspiro, acreditava que assim daria, também a mim, enquanto blogueira, um rumo mais definido, uma linha para seguir. Decidi, então, dar mais consistência ao blogue e ter uma linha de publicação com um sentido mais delineado e planeado. Defini o rumo, a gestão pessoal. A abrangência dos temas é vasta, mas a abordagem é sempre por este ângulo, a forma como nos gerimos enquanto pessoas. 

Quis ir ainda um pouco mais longe e defini uma linha editorial mensal, cada mês dedicado a uma área da gestão pessoal. Esta decisão revelou-se muito importante, não só porque permitiu a minha consistência na área da gestão pessoal, mas também porque me ajudou a aprofundar os temas e a reflectir sobre eles com maior cuidado. A aprendizagem é, para mim, um enorme motor de vida.

O que é engraçado é que este ímpeto, para a consistência e para o foco, não ficou satisfeito. Quanto mais concentrada estava em termos de publicação no Suspiro de Coruja, menos sentido fazia, para mim, desviar-me e diversificar a minha presença enquanto blogueira. Foi por isso que, este mês, resolvi fazer mais umas mudanças e abdiquei da minha presença no facebook. Esta decisão não foi fácil porque pressupõe perder uma das grandes janelas para o blogue. Tive que ponderar se o risco de perder leitores era compensado pela oportunidade de me aprofundar e concentrar no tema que me apaixona, a gestão pessoal. 

Esta decisão levou-me, pois e uma vez mais, a reflectir sobre o significado do Suspiro de Coruja para mim. E sabes, cada vez mais tenho a certeza de que aquilo que aqui procuro não é ter um grande número seguidores ou de visualizações, o que eu procuro no Suspiro é manter o ímpeto de aprender e de explorar a gestão pessoal e de, com isso, poder partilhar aquilo que vou aprendendo, certa de que haverá alguém que poderá aprender com o meu trilho.

É neste sentido que a pausa de agosto também é tão importante. Se eu procurasse o bom resultado das estatísticas, não poderia parar de postar um mês inteiro. Mas como aquilo que eu quero é fazer uma boa gestão pessoal, o mês de agosto será dedicado, uma vez mais, a uma parte muito relevante e muitas vezes negligenciada da gestão pessoal. A capacidade para desconectar.
Imagem

Quer para a gestão de ti próprio, quer para a gestão da tua família, é importante que consigas desconectar-te das redes sociais e das tuas actividades quotidianas e por algum tempo permitires a ti mesmo o simples usufruto e à tua família a permissão de apreciar a tua presença sem outras distracções. Esse elo que conseguirás fortalecer, contigo mesmo e com a tua família, será preponderante para o resto do ano e permitirá que, mais habitualmente, consigas fazer estas pausas sem receio do que irás perder. Porque sabes, perderás muito mais se perderes momentos marcantes com a tua família/amigos do que se perderes os últimos postes do Suspiro ou de qualquer outro lugar on line.

Desconecta-te, tu mereces!



Sem comentários:

Enviar um comentário